BETA CONTROLES E SISTEMAS
Projetando e Integrando Soluções
Iluminação-Garagem

ILUMINAÇÃO DE GARAGEM

Economia de energia elétrica x Solução de Iluminação

equilíbrio na iluminação com REDUÇÃO DE ATÉ 80% NO CONSUMO de energia elétrica


Comparando as imagens abaixo, nota-se a diferença de iluminação da garagem em 02 momentos: antes e depois da implantação de nosso Exclusivo Projeto de Iluminação de Garagens e o porque da contratação certa por parte dos condomínios.


 

Antes: o critério de desligar os disjuntores de alguns circuitos provocou um desequilíbrio na iluminação da garagem. Alguns pontos ficaram com muita luz (algumas vagas e corredores) e outros totalmente escuros (principalmente as vagas, o que contribuiu para alguns condôminos incorrerem em acidentes com seus veículos – rasparem a lateral de seus veículos em colunas não iluminadas, gerando conflitos internos).

Depois: a Implantação de nosso Projeto promoveu um equilíbrio luminotécnico, com economia substancial (redução no consumo de energia elétrica com a Iluminação da Garagem em até 80% em relação à carga original). 

 RESULTADO: iluminação equilibrada e com economia de energia elétrica.


Vantagens do Projeto da Beta Telemon Sistemas:

o         Contribui com a redução de até 80% no consumo de energia elétrica com Iluminação da Garagem.

o         Elimina os pontos de sombra na garagem, facilitando as manobras de veículos.

o         Melhora, também, a captura de imagens pelas câmeras, como pode ser notado nas fotos "antes" (vários pontos com sombras) e "depois" (já com a iluminação equilibrada, após a Implantação de nosso Projeto).


O PROJETO DE ILUMINAÇÃO DE GARAGENS DA “BETA TELEMON SISTEMAS” É O ÚNICO QUE REPRESENTA ECONOMIA IMEDIATA AO CONDOMÍNIO SENDO, TAMBÉM,  O ÚNICO QUE PODE SER CONSIDERADO UMA SOLUÇÃO DEFINITIVA.

NÃO É MILAGRE. É TECNOLOGIA.


As Garagens não necessitam de muita luz, necessitam, sim, de iluminância suficiente e equilibrada.

Entenda o que é apenas um Critério e o que é realmente uma Solução.

Acompanhe a seguinte apresentação.


CRITÉRIO 01:

DESLIGAR OS DISJUNTORES DE ALGUNS CIRCUITOS

Nesta época (do APAGÃO), os Condomínios começaram a adotar, como norma geral, o procedimento de desligar os disjuntores de alguns circuitos nas Garagens.

Este procedimento foi um CRITÉRIO (não uma Solução) que realmente proporcionou uma redução imediata no consumo de energia elétrica (como veremos, a aplicação de nossa Solução teria proporcionado economia superior à alcançada).

Trouxe consigo, porém, alguns problemas, como pode ser visto na imagem 01 (à esquerda).

PROBLEMA 01: prejudicou a captura de imagens pelas câmeras do Sistema de CFTV.

PROBLEMA 02: prejudicou aos próprios condôminos, que passaram a ter maiores dificuldades em fazer as manobras de seus veículos sem riscos de acidentes. Algumas vagas ficaram parecendo mais um stand de vendas, de tanta iluminação que tinham em relação às outras (totalmente escuras).

Não satisfeita com este procedimento, pois prejudicava tanto à Segurança do Condomínio, quanto aos próprios usuários, a Beta Telemon Sistemas desenvolveu um estudo detalhado, tendo encontrado a SOLUÇÃO que, até o momento, é a melhor disponível.


 
Faça a seguinte pergunta a si próprio: quantas empresas, ou profissionais da área, apresentaram, REALMENTE, uma SOLUÇÃO definitiva para a Iluminação da Garagem (e de outros ambientes) de seu Condomínio?

 
NOSSO PROJETO RESOLVEU O PROBLEMA.

E o que é melhor:
PROMOVEU UM EQUILÍBRIO NA ILUMINAÇÃO E
REDUZIU AINDA MAIS O CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA COM A ILUMINAÇÃO DA GARAGEM.
EM ALGUNS PROJETOS CONSEGUIMOS OBTER REDUÇÃO DE 80% NO CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA.

 

CRITÉRIO 02:

INSTALAR MINUTERIAS NAS GARAGENS (COLETIVAS OU COM SENSORES DE PRESENÇA)

Basicamente, são dois os modelos utilizados:

Modelo 01: coletiva (podendo ser setorizada).

Modelo 02: com sensor de presença para alguns circuitos (também, podendo ser setorizada).


o        Este critério pode ter aumentado os custos ao contrário de reduzi-los.

o        Este aumento de custos não foi notado, inicialmente, por ter sido implantado em conjunto com as outras soluções de economia de energia implantadas em todo o Condomínio.

o        As lâmpadas fluorescentes convencionais consomem, em seu start (acionamento), o equivalente ao consumo de 01 (uma) hora, quando em uso normal (pico de tensão).

o        Isto significa que, tendo sido acionadas (acesas e apagadas) constantemente, poderão ter sido o vilão da história, configurando-se em prejuízo, ao invés de economia.

Motivos dos Prejuízos:

o        Aumento no consumo de energia elétrica: ocorreu se o Sistema foi acionado mais de 24 vezes no decorrer do mesmo dia (isso representa 12 entradas e 12 saídas da garagem).

o        Passou a ter um custo que não existia antes: passou a efetuar substituição das lâmpadas com maior freqüência, devido a muitas queimas (o acionamento constante provoca queimas das lâmpadas e pode reduzir, também, a vida útil dos reatores).

o        Prejuízo com o próprio investimento naquilo que se achava ser uma Solução (desembolso): gastou-se dinheiro em um critério do qual se esperava algo que não foi atingido. Era melhor não ter investido este dinheiro e deixar como estava, pois, assim, o resultado final total poderia ter sido melhor, ou seja:

o        Não se mexeria no consumo.

o        Não haveria aumento de custos com substituição mais freqüente de lâmpadas (e, talvez, também reatores).

o        Também não haveria o próprio desembolso com o investimento inócuo.

o        O único beneficiado com a adoção deste critério foi o vendedor das Minuterias (com ou sem Sensores de Presença).

o        Este critério não é bom nem na teoria, pois os vendedores não podem alegar desconhecimento do funcionamento das lâmpadas fluorescentes, pois, se estão sugerindo uma Solução ao cliente, devem ter conhecimento do que estão ofertando e do resultado final que o cliente obterá.

o        A nossa Solução realmente funciona.


Minuterias com sensores de presença (ou até sem sensores) podem ser instaladas apenas com lâmpadas incandescentes, sendo recomendáveis para Hall’s, Escadas e ambientes de circulação.


Caso concreto de um Condomínio, entre tantos (qualquer semelhança não é mera coincidência):

o       Um Condomínio que visitamos tem 25 lâmpadas fluorescentes instaladas na garagem (garagem pequena).

o       Quando o vistoriei, notei que haviam instalado Minuterias (modelo com Sensores de Presença).

o       Argumentei o já exposto, e apontei algumas lâmpadas que apresentavam pontos escuros nas pontas (estavam para queimar).

o       Ficaram surpresos, pois não sabiam desta informação, porém, confirmaram o fato exposto, pois, desde que efetuaram a instalação das Minuterias, passaram a substituir a totalidade das lâmpadas fluorescentes (25 unidades), a cada 02 meses, em média.

o       Constataram que já estariam economizando se simplesmente desligassem as Minuterias (deixar as lâmpadas acesas 24h por dia), ficando o Sistema como era antes. Imediatamente modificaram o Sistema.

o       Como vemos, o condomínio investiu para obter um benefício (economia) e acabou obtendo alguns prejuízos:

o       Aumento de custos com maior consumo de energia elétrica.

o       Um novo custo, que não existia, que foi a necessidade de substituição freqüente das lâmpadas, pois passaram a queimar com mais constância.

o       Um novo custo, que foi o investimento em uma implantação inócua.

o       Então, o que parecia, a princípio, uma Solução, significou, ao final, mais um custo novo, que muitos síndicos não pararam para analisar.

o       Ele (o custo) chegou de mansinho e ficou. E ninguém percebeu.

o         Uma Solução pressupõe um Estudo de Caso.

o         Este Estudo só é possível por quem está comprometido com sua problemática, que é “a efetiva redução de custos”, procurando não criar um prejuízo, e que justifique o investimento.


Dentre os critérios adotados que se transformaram em Soluções definitivas, figuram:

o        Elevadores: para os modelos mais antigos, foi adotada a Solução de manter-se funcionando apenas um, em determinados períodos do dia e, para os mais modernos, a instalação de sistema que permite ser acionado apenas o elevador que estiver mais próximo da chamada.

o        Hall’s, escadas e alguns ambientes internos (ver item específico): foram instaladas minuterias com sensores de presença. Os condomínios que instalaram estes equipamentos em ambientes com lâmpadas incandescentes, obtiveram êxito, pois lâmpadas com reatores (como as fluorescentes, tanto modelos tubulares quanto compactas) não podem ficar acendendo e apagando constantemente, pois provocam aumento de consumo (devido ao pico no ”start”) e aumento na freqüência de queimas.

o        Ambientes externos: substituição de lâmpadas incandescentes de jardins e passagem, de até 150W, por lâmpadas compactas de 09 a 25 W (fluorescentes), halógenas com minuterias e sensores de presença e multi-vapores metálicos (HQI), estas últimas adotadas em nossas soluções de CFTV, como veremos mais adiante, em item específico.


ELIMINE A POSSIBILIDADE DE ACIDENTES COM OS VEÍCULOS E USUÁRIOS AO DESLIGAR OS DISJUNTORES DE ALGUNS CIRCUITOS


SOLUCIONE DE VEZ A SITUAÇÃO DA ILUMINAÇÃO DA GARAGEM DE SEU CONDOMÍNIO

E PASSE A ECONOMIZAR COM SABEDORIA


SOLICITE-NOS UM ESTUDO DE CASO E OBTENHA COMO RESULTADO

UMA ILUMINAÇÃO EQUILIBRADA COM ECONOMIA AO LONGO DO TEMPO


O DINHEIRO ECONOMIZADO COM A ILUMINAÇÃO DA GARAGEM PODERÁ SER APLICADO

EM BENFEITORIAS DE OUTROS SETORES DO CONDOMÍNIO

SEM NECESSITAR EFETUAR RATEIOS


 Todos os direitos reservados...

11111111111100001010000011000000110011001000100011111111101010101100000011111111101000001100110010001000100000001010000011001100
Contato: [11] 2837-5466, 4115-1408 e 9-8342-1040
Página InicialSegurançaTelefonia e InternetAutomação - GSM-GRPSElétricaContato